quarta-feira, 23 de janeiro de 2013

Apaixonada por bibliotecas! - A Biblioteca Mágica de Bibbi Bokken

Este post foi programado. Nesse momento estou nadando nas águas cheia de coliforme fecal da Praia Grande (POVÃO!). E aí minha gente! Deu pra perceber que eu estou falando bastante de livros aqui no blog, né? Bem, é que ano passado, com a mudança de transporte pra ir pra escola e a distância, passei a ler mais. Fiz as contas e descobri que li 23 livros em 2012 *0* E olha que a minha meta era um livro por mês!

Peguei vários emprestados pra ler nessas férias. Um deles foi a Biblioteca Mágica de Bibbi Bokken, escrito por Jostein Gaarder, o mesmo autor de O Mundo de Sofia, em parceria com Klaus Hagerup.


Dessa vez, Jostein nos conta a história de Berit e Nils, dois primos que começam a se comunicar através de um "caderno-carta". Tudo começa a ficar estranho quando uma mulher msiteriosa e DOENTE por livros começa segui-los. Eles tomam conhecimento de uma tal biblioteca mágica e começam a investigar sobre ela.

Esse livro é um pouco mais infantil que O Mundo de Sofia. Nada que atrapalhe a leitura, claro. Quando você termina de lê-lo, você pensa: "Nossa, os livros são realmente mágicos!". Quem já ama livros, passa a amá-los ainda mais. Livros não são apenas livros, mas são a expressão de uma outra pessoa,  a reflexão dela no papel, aquilo que ela pensa e sente. É muito lindo e complexo como isso acontece, como você entra na pessoa e o seu universo apenas lendo.

Pra quem já ama ou AINDA não ama os livros, recomendadíssimo!


O que acharam da dica? Quem já leu, gostou? Comentem :-)

Por hoje é só. Beijoo ;*

Dizendo o indizível: Uma Aprendizagem ou o Livro dos Prazeres

Este post foi programado. Nesse momento estou nadando nas águas cheia de coliforme fecal da Praia Grande (POVÃO!). Buenas! Como estão? Hoje vim falar da minha autora predileta: Clarice Lispector.

Ouvi o nome dela pela primeira vez na série Tudo o que é sólido pode derreter. Não sei se vocês perceberam, mas eu aprendi muita coisa assistindo/lendo essa história, tanto que falo dela aqui no blog toda hora. Se você, ainda não assiste, não perca mais tempo e vá direto no site da TV Cultura ver todos os episódios NOW! (mas antes leia o que eu já escrevi sobre ela aqui).

Num episódio, Theresa lê o seu primeiro Clarice, Uma Aprendizagem ou o Livro dos Prazeres. Decidi que esse seria o meu primeiro Clarice também. Criei uma super expectativa em cima do livro, já que sempre falam tão bem da mulher. E, bem, todas as minhas expectativas foram superadas.


O livro conta a história de Lóri e Ulisses. É isso. Não tem muito o que falar. A história não é uma narrativa, não é um conto, não é uma crônica. É uma coisa diferente de tudo o que já li na minha vida. É um pouco difícil de resenhar esse livro aqui. Clarice conta os fatos de um jeito que só ela sabe (quem me dera ter esse dom!). Pode parecer que eu tô com preguiça de falar da história, mas só pra vocês entenderem o meu dilema: o livro começa com uma vírgula e termina com dois pontos. Tende?

Uma das coisas mais maravilhosas nesse livro é que você se enxerga muito na Lóri. Ela pensa cada coisa que só uma mulher consegue entender. Coisas que a gente fala sozinha, pensa enquanto toma banho ou antes de dormir.

Mulherada, se vocês nunca leram nada dela, não desperdicem mais seu precioso tempo e corram já para a livraria/biblioteca mais próxima. Só quando você ler vai entender o que quero dizer.


Por que a Clarice é minha escritora favorita? Porque ela sabe lidar com as palavras como ninguém consegue. Ela consegue contar/narrar/cronicar o indiscritível. Sabe aquelas coisas que você pensa, mas não consegue explicar? Ela consegue, e o faz com perfeição.

Não sei se um homem conseguiria entender os livros dela ou gostaria das histórias (sem preconceito!). Então acho que essa dica é pras meninas mesmo.


Quem curtiu a dica? Já leu algum Clarice? E quem não leu, ficou com vontade? Comentem :-)

Por hoje é só. Beijoo ;*

segunda-feira, 21 de janeiro de 2013

Quem precisa de príncipe encantado? - Valente

Este post foi programado. Nesse momento estou nadando nas águas cheia de coliforme fecal da Praia Grande (POVÃO!). E aí minha gente! Como estão? Hoje vim falar de um filme bem legal, dica pras férias.

Sempre adorei animações. Madagascar, A Era do Gelo, Up! Altas Aventuras estão em primeiro lugar no meu coraçãozinho. Há algumas semanas, assisti mais um candidato a ocupar um espaço aqui dentro: Valente.

 
O filme foge do E viveram felizes para sempre do qual já estou enjoada de ver. Merida é uma princesa que está sendo treinada desde sempre pela sua mãe para ser a rainha perfeita. Mas a diversão da garota é se aventurar por aí, sempre com seu arco e flecha. Até que um dia, por uma tradição dos clãs do lugar onde vive, ela tem que escolher um marido. 3 garotos disputam uma competição para ocupar o trono ao seu lado, mas insatisfeita com isso tudo, Merida resolve procurar a ajuda de uma bruxa para que as coisas mudem. Bem, o lance é que não sai tudo como planejado.

 
A atitude de Merida é um tanto quanto irritante. Ela é aquele tipo de adolescente rebelde que odeia todas as atitudes que os pais tomam (no caso só a mãe). As risadas ficam por conta do pai dela, SAFADJEEEENHO! Mas o cabelo dela é LEEEEMDO demais, como que queria ser ruiva Deus!


O que eu amei no filme é que ele quebrou o tabu de que pra ser conto de fadas tem que ter príncipe encantando e amor mimimi. Ele mostra pra gente que a família é uma coisa importante, e que os nossos pais só querem o nosso bem, ainda que eles pareçam fazer as coisas erradas às vezes.

Outra coisa que me chamou atenção foi a trilha sonora. Essas são as músicas temas, gravadas em português pela Manu *tenho voz de uma menina de 5 anos* Gavassi. E é por esse motivo que eu colocarei aqui no blog as versões originais:
 

 
 
 
Quem curtiu a dica? E quem já assistiu, gostou? Comentem :-)
 
Por hoje é só. Beijoo ;*

quarta-feira, 16 de janeiro de 2013

Preguiça de se espreguiçar


11h30. Droga, já perdi metade do dia. E vou perder a outra assistindo 5 episódios de Friends. E ainda tenho que tirar as fotos do Project 365, ligar pra fulano, ir na casa de ciclano e mandar e-mail pra troiano. E ainda tenho outras coisas pra fazer, mas esses são os únicos modos que eu conheço de não dizer o nome de alguém.

E Deus cotinua te dizendo o que fazer, mas você prefere abafar a voz dEle e ir assistir o jogo de estreia do Lucas na França. E fica torcendo por ele e se esquece da vida. E daí, tô de férias? E daí? Daí que daqui a alguns dias você vai voltar pra escola, seu último ano. Daí que você vai recomeçar a procurar emprego e vai ter que usar lentes de contato. Daí que você tem que estudar pro vestibular. Daí que você começou a fazer 328746738946 de coisas, mas só terminou 3 delas. E aí fica essa sensação de vazio, de não ter concluído sua jornada.

Queria mesmo era ter 14 anos de novo. Quando não tinha aulas de Física e minha única preocupação era escolher com qual All-Star eu ia pra escola. Quando eu tinha tempo pra fazer o que desse na telha. Então, você começa a pensar em todo o tempo que você perdeu fazendo nada.

A verdade é que enquanto você se perocupa com tudo que você poderia ter feito no passado mas não fez, seu presente está sendo gasto com pensamentos que não vão mudar nada. E lá na frente, você vai continuar pensando na mesma coisa. E sua vida acaba inacabada. E você perde grandes oportunidades pensando no passado. E o futuro? O futuro já chegou e você ainda tá com a bunda na cadeira sem terminar a 3ª temporada de Friends. E a louça ainda está na pia e sua mãe vai chegar. Ela já chegou. Dá 2h da manhã e você vai dormir, pra acordar tarde de novo e começar seus desvaneios novamente.

E a preguiça? Que preguiça? A preguiça de terminar esse texto de uma forma decente? É, essa mesma.

segunda-feira, 14 de janeiro de 2013

Vamos estudar juntos? Viagens na minha terra

Este post foi programado. Nesse momento estou nadando nas águas cheia de coliforme fecal da Praia Grande (POVÃO!). Aloha galerinha do mal! Hoje daremos início aos posts especiais pro Vestibular. Como falei no post explicativo, farei resenhas dos livros de leitura obrigatória para fazer a prova da Fuvest. E mesmo que você não vá fazer esse vestibular ou não vai fazer nenhum, é legal saber mais sobre esses livros, afinal são clássicos da literatura portuguesa e brasileira.


O primeiro será Viagens na minha terra, do português Almeida Garret. O livro, narrado em 1ª pessoa pelo próprio Almeida Garret, conta a história de sua viagem, de Lisboa para Santarém. Ele vai contando sobre o passado de Portugal, as paisagens e os monumentos que encontra pelo caminho. Mas as viagens de verdade são as digressões que ele faz, digamos sobre tudo. O cara viaja mesmo, fala de política, religião, do romantismo e também sobre grandes escritores, como Shakespare e Miguel de Cervantes.


Também conta a história de Joaninha, a menina dos rouxinóis e seu primo Carlos, que vivem um romance. Os dois viviam com sua vó Dona Francisca e um dia, Carlos foge de casa devido a um desentendimento com Frei Dinis, que era um nobre que largou suas posses e se entregou a religião e vivia na casa de Dona Francisca. Alguns anos depois, explode a guerra civil de Portugal, liberalistas (D. Pedro I) x conservadores (D. Miguel ). Carlos vai para a guerra e quando ela chega em Santarém, ele se reeencontra com Joaninha. Muitos segredos são revelados a partir daí.

Almeida Garret foi um escritor da 1ª geração do romantismo em Portugal e foi muito importante para a consolidação dessa escola literária no seu país. Sua obra faz várias críticas a decadência do Reino Português. Os personagens da história são usados para criticar a ingenuidade e alienação do povo português, os problemas dentro das instituições religiosas e o conservadorismo. Tudo isso faz com que o livro se assemelhe muito ao movimento realista. O romantismo mesmo fica por conta da típica heroína romântica Joaninha e sua história de amor.

Não foi o MELHOOOOR livro que eu já li. O começo aliás dá uma vontade de desistir da leitura e morrer (brincadeira!). É preciso embarcar com o autor nas suas "viagens". Depois dos primeiros capítulos você se acostuma e a história fica bem legal. Enfim, um típico clássico da literatura: chato no começo e incrível no meio e final. Pra quem gosta de história, é muito bom, já que explica uma parte do passado de Portugal de um jeito diferente. Recomendadíssimo!

Gostaram da resenha? Quem vai ler? Quem já leu, o que achou? Comentem :-)

E aí, vamos estudar juntos? Por hoje é só. Beijoo ;*

domingo, 13 de janeiro de 2013

Project 365!

Aloha gentes! É HOJE PESSOAS LINDAS, PRAIAAAAA *------* Ficarei 2 semanas na Praia Grande (POVÃO!), but don't worry. Estou deixando alguns posts programados para o blog não ficar desatualizado. Só não vou divulgar nas redes sociais. Se vocês puderem fazer isso, seria bem legal. É só clicar nesses ícones no fim das postagens. E o project 365 desse tempo que estarei na praia vai sair só depois. Enfim, vamos ao que interessa: fotos dessa semana.


Dia 6
Dia 7
Dia 8

Dia 9

Dia 10

Dia 11
Dia 12

Não sabe o que é o Project 365? Leia esse post.

Por hoje é só. Beijoo ;*

sábado, 12 de janeiro de 2013

E o Vestibular?

Olá galerinha do mal! Não tô nem um pouco ansiosa pra praia amanhã, magina. Apenas segurando os gritos de felicidade aqui \õ/

Não sei se todos vocês sabem, mas esse é o meu último ano na escola #chora e eu pretendo prestar Jornalismo na Fuvest. Aliás, essa é uma das minhas metas pra 2013, como vocês podem ver nesse post aqui. Abrirei meu coraçãozinho pra contar minha história de amor pela escrita pra vocês.

Até os meus 10, 11 anos de idade, eu queria ser pintora (sério!). Sempre fui ligada a todo tipo de arte. Então, comecei a ter aulas de redação na escola e escrevi o meu primeiro texto. Era uma história sobre um elefante que fugia de casa porque sonhava em trabalhar no circo. Mostrei pra minha mãe, que gostou tanto que foi mostrar pra diretora. Eis que a tia Margarete deu a ideia de eu me tornar escritora. E eu gostei.

Fui pensando mais a respeito e decidi que queria fazer Letras. Há alguns anos pesquisei melhor e decidi que o que eu queria mesmo era fazer Jornalismo. Quero escrever em um jornal e mais pra frente, publicar meus livros. É um sonho um tanto quanto distante, mas já diria Renato Russo, Quem acredita sempre alcança.

Ano passado tive meio que uma crise de identidade e fiquei meio perdida, mas pensei bem e é isso mesmo pessoal: Jornalismo e será na USP.


Pensando nisso e também nos meus queridos colegas que se formarão comigo, tive a brilhante ideia (?) de fazer alguns posts especiais sobre o vestibular. Antes de mais nada, já aviso que não vou ficar falando sobre as profissões e blá blá blá. Tem um site excelente para isso, o Guia do Estudante. É um portal ótimo pra quem ainda está decidindo o que quer da vida.

Por hora, farei posts de resenhas dos livros de leitura obrigatória para fazer o vestibular da USP. A prova da Fuvest tem uma lista de 10 livros que os vestibulandos têm que ler para responderem algumas questões na prova. E já que vou prestar pra esse vestibular e já faço resenhas aqui, por que não?

Pretendo fazer mais ou menos uma resenha por mês, dependendo da data da prova desse ano. Não prometo fazer aquelas super críticas que vão te fazer ficar em 1º lugar na lista dos aprovados. Vou dar meu ponto de vista sobre as histórias e contextualizá-las em relação a escola literária a que pertencem.

Essa é a lista de livros (as resenhas não serão feitas propriamente nessa ordem):

- Viagens na minha terra - Almeida Garrett;
- Til - José de Alencar;
- Memórias de um sargento de milícias - Manuel Antônio de Almeida;
- Memórias póstumas de Brás Cubas - Machado de Assis;
- O cortiço - Aluísio Azevedo;
- A cidade e as serras - Eça de Queirós;
- Vidas secas - Graciliano Ramos;
- Capitães da areia - Jorge Amado;
- Sentimento do mundo - Carlos Drummond de Andrade.

Quem vai prestar vestibular, pra que e pra onde? Gostaram da ideia? Comentem :-)

E aí, vamos estudar juntos? Por hoje é só. Beijoo ;*

quinta-feira, 10 de janeiro de 2013

Os vencedores do People's Choice Awards 2013

Aloha gente bonita! Quem mais tá asioso pra ir pra Praia *EEUUUU \Õ/* ? E graças a Deus tá friozinho e chovendo aqui em São Paulo, já que o calor só é útil na praia. Vamos ao assunto do post. Todo ano rolam premiações de todos os tipos: filmes, música, esportes, etc. E a 1ª do ano sempre é o People's Choice Awards. Confesso que não sou TÃO ligada nesse tipo de coisa, mas resolvi assistir porque minhas séries prediletas estavam concorrendo e também tinha a galera dos filmes de super-heróis. O PCA foi exibido ontem (hoje?) à meia-noite na Warner.

 
Resolvi trazer os vencedores e os meus comentários sobre eles aqui no blog. Aqui no Brasil eles não passaram todos os prêmios reclames do plimplim, então comentarei apenas os que eu vi e alguns outros que acho importante.


FAVORITE MOVIE (Melhor filme): Jogos Vorazes
 
Antes de mais nada, gostaria que me explicassem POR QUE DIABOS BRANCA DE NEVE E O CAÇADOR ESTAVA NESSA DISPUTA? Não que o filme seja horrível, mas também não dá pra considerar um dos melhores de 2012. Fiquei muuuuuito #xatiada porque Os Vingadores não ganhou. Além de ser um dos filmes com os melhores efeitos visuais ever, a história é muito boa e o diretor conseguiu dar espaço pra todos os heróis em apenas (!!!) 3 horas de filme. Além de que o meu amor por heróis nasceu aí. Mas Jogos Vorazes mereceu. É um ótimo filme e conseguiu preencher o espaço que as sagas Harry Potter e Crepúsculo deixaram nos coraçõezinhos dos fãs.


FAVORITE COMEDIC TV ACTRESS (Melhor atriz de série de comédia): Lea Michele.
 
Eu amodoro Glee, mas não considero uma comédia, tipo COMÉÉÉDIA. Lea Michele é uma boa atriz (e como canta essa mina!), mas em termos de COMÉÉÉDIA, Zooey Deschanel merecia mais. A Jess de New Girl é uma das personagens mais engraçadas que eu já vi. Não gosti :(

 
FAVORITE MOVIE ACTOR (Melhor ator de filme): Robert Downey Jr.
 
Quando eles anunciaram o ganhador dessa categoria, gritei como se fosse um gol. Um cara que ganha de Will Smith e Johnny Deep merece muitos apalusos. Robert deu vida ao Homem de Ferro e o tornou um dos heróis favoritos do pessoal. Ele atua muuito bem e é super profissional. Palmas para o nosso playboy, bilhonário e filantrópico favorito <3 font="font">
 
FAVORITE DRAMA TV ACTOR (Mlehor ator de série dramática): Nathan Fillion
 
Não conheço.


FAVORITE MOVIE ACTRESS (Melhor atriz de filme): Jennifer Lawrence
 
A estrela de Jogos Vorazes mereceu. Gostei muito do personagem dela. Uma menina forte, corajosa e que defende a irmãzinha. Chega dessas menininhas sem graça que gostam de vampiros/fadas.
 
FAVORITE DRAMA TV ACTRESS (Melhor atriz de série dramática): Ellen Pompeo
 
Não conheço.
 
FAVORITE DAYTIME TV HOST (?): The Ellen DeGeneres Show
 
(?)


FAVORITE ACTION MOVIE (Melhor filme de ação): Jogos Vorazes
 
Não Assisti MIB 3 e nem o filme do Batman (não gosto do Batman). Em termos de ação, Jogos Vorazes é melhor do que os meus queridinhos Vingadores e O Espetacular Homem-Aranha.
 
FAVORITE ACTION MOVIE STAR (Melhor estrela de filme de ação): Chris Hemsworth
 
Ele é o Thor mais lindo da Terra. Estou muito feliz porque alguém dos Vingadores ganhou essa categoria, mas acho que o Robert merecia mais. Ou até mesmo o Chris Evans. Mas você ainda é lindo viu Thor?


FAVORITE COMEDIC MOVIE ACTOR (Melhor ator de comédia): Adam Sandler
 
MUUUUUITO feliz porque o Adam ganhou. É um dos meus atores prediletos e faz os filmes mais engraçados ever. E fez o melhor discurso de agradecimento, como sempre (aliás nota 0 pro dublador da Warner que ficou todo embolado e fez o Adam perder toda graça no palco :P)


FAVORITE COMEDIC MOVIE ACTRESS (Melhor atriz de comédia): Jennifer Aniston
 
Linda, engraçada e carismática. Mereceu demais. Aliás, podiam ter entrgue o prêmio de uma vez pra você só pelo fato de ter feito Friends.


FAVORITE DRAMATIC MOVIE ACTRESS (Melhor atriz de drama): Emma Watson
 
Ainda não assisti/li As Vantagens de ser Invisível. Sei que a Emma deve estar muito feliz, já que é o primeiro filme que ela fez não sendo Hermione e já ganhou um prêmio (ela ganhou da Meryl Streep, que ganhou o Oscar tipo, só 3 vezes :O).


FAVORITE MOVIE SUPERHERO (Melhor super-herói de filme): Robert Downey Jr. - Homem de Ferro
 
Muito feliz porque o Batman não ganhou. Como eu já disse, Robert é um cara super profissional e deu vida ao Homem de Ferro como ninguém faria. Se ele não ganhasse, ficaria feliz com o prêmio nas mãos do Andrew Garfield, meu homem-aranha <3 font="font">


FAVORITE ON-SCREEN CHEMISTRY (Melhor química na tela): Jennifer / Josh / Liam (Jogos Vorazes)
 
Mais uma vez, POR QUE DIABOS KRISTEN STEWART E CHRIS HEMSWORTH ESTAVAM DISPUTANDO ESSA CATEGORIA? Se tem uma coisa que A Branca de Neve e o Caçador não tem é química no casal principal. Sinceramente, Emma e Andrew mereciam muito mais. Poderia haver mais química num casal que é casal na vida real também? E se não fossem eles, preferia Scarlett e Jeremy (a Viúva-Negra e o Gavião Arqueiro dos Vingadores). Essa coisa de mistério no passado deles e pá... enfim, não gosti :(


FAVORITE BAND (Melhor Banda): Maroon 5
 
#xatiada porque nem Green Day nem Linkin Park ganharam :(


FAVORITE COUNTRY ARTIST (Melhor artista country) Taylor Swift
 
Sinceramente, eu não sei porque não entregam logo o prêmio de melhor artista country logo pra Taylor em todas as premiações. É tão óbvio que ela vai ganhar sempre --'


FAVORITE BREAKOUT ARTIST (Melhor artista revelação): The Wanted
 
CHUPEM DIRECTIONERS!


FAVORITE COMEDIC TV ACTOR (Melhor ator de série de comédia): Chris Colfer
 
Leia o 2º tópico.
 
FAVORITE MUSIC FAN FOLLOWING (Melhores fãs da música): KatyCats - Katy Perry
 
 CHUPEM DIRECTIONERS!


FAVORITE NETWORK TV COMEDY (Melhor comédia da TV aberta): The Big Bang Theory
 
AAAAAHHHHH! PRA FECHAR COM CHAVE DE OURO! FOI A NOITE DOS NERDS GALERES! HERÓIS, GLEE E THE BIG BANG THEORY! Mano, essa é uma das séries mais engraçadas do Universo. Quem diria, hein? Nerds sabem fazer os outros rirem! Sheldon, Leonard, Raj, Howard e Penny, obrigada por me fazerem amar ainda mais ser uma nerd. Love u *0*
 
E aliás, parabéns a Sandra Bullock, ganhou o 1º prêmio de ajuda humanitária, por ter ajudado as vítimas do furacão Katrina <3 font="font">
 
Quem assistiu também? Gostaram dos vencedores? Concordam com os meus comentários? Comentem :-)
 
Por hoje é só. Beijoo ;*

quarta-feira, 9 de janeiro de 2013

A minha família Samarah

 
Tenho tido uns sonhos estranhos essa semana. Na verdade, todos os meus sonhos são estranhos, mas whatever. Sonhei com as pessoas da minha antiga escola. De repente, bateu uma saudade muito grande, quase uma angústia. Sabe quando as pessoas falam demais pra você não fazer uma coisa, depois que você faz, fica pensando o que aconteceria se você não tivesse feito?
 
Bem, eu estudei praticamente a vida toda no Samarah. Eles são a minha família desde sempre e eu os amo. Eis que decidi fazer a prova pra entrar ano passado no São Luís e passei. Ir pra lá foi uma escolha díficil, ainda mais quando as pessoas que eu amo achavam que era melhor continuar onde eu estava. Eu mudei de escola, passei 2012 na minha querida 2.2 e continuarei lá esse ano. Mas como disse a minha mãe, parece que ficou um vácuo nessa situação toda e eu também sinto isso.
 
O blog é o meu espaço de desabafar. Eu queria muito falar isso pra alguém, mas sou melhor com palavras escritas do que faladas. Sabe quando você está num lugar maravilhoso, com pessoas maravilhosas, mas o seu interior não é maravilhoso? Tudo estava muito bem muito bom, mas eu não me sentia assim. E não é bom estar num lugar onde você não se sente mais tão bem. Sei lá eu o porquê disso, mas acontece às vezes. Mudei de escola e novos desafios surgiram.
 
Se algum aluno/professor do Samarah estiver lendo isso, queria dizer que amo essa escola, ou melhor essa família. Tudo o que eu passei nesses tantos anos foi realmente especial. Eu nunca vou esquecer os melhores professores da Terra que eu tive lá. A melhor direção e coordenação que uma escola poderia ter. Os melhores amigos do Universo. Aliás, se não fosse a tia Margarete (sim, eu chamo ela de tia aos 17 anos, problem?) eu nem teria escolhido a escrita como profissão. Não é porque eu saí da escola que eu esqueci vocês ou me tornei uma hater.
 
Quero me lembrar de vocês até quando eu for velhinha gaga e usar dentadura. E amarei vocês até o fim da minha vida. E quero agradecê-los por me tornarem uma cidadã, uma pessoa. Sem vocês, não conseguiria conquistar metade das coisas que já consegui e que ainda vou conseguir. E não falo isso só didaticamente. Obrigada por tudo. Amo vocês e espero que um dia entendam minha decisão.

Pra você que vai assistir ao Big Bosta Brasil 13


 
Acho que já ta na hora do Brasil parar de assistir essa imbecilidade e de ficar torcendo por aqueles seres como se alguém da sua casa fosse ganhar aquela dinheirama toda. E tenham um bom dia.
 
Por hoje é só. Beijoo ;*

terça-feira, 8 de janeiro de 2013

Pra você gostar de Filosofia: O Mundo de Sofia

Hello pessoal! Como vão? Estou aqui, fazendo contagem regressiva pra chegar logo a hora de ir pra praia, nadar, ficar um tanto quanto loira e neguinha \õ/ (fala sério, essa é a única coisa boa do verão né minha gente?) Vocês também estão in love com as férias? hehe :P Hoje vim dar uma super hiper mega power dica de livro: O Mundo de Sofia - Romance da História da Filosofia.


Sofia Amundsen é uma menina norueguesa que está a prestes a fazer 15 anos. Às vésperas de seu aniversário, recebe uma carta com duas perguntas anônimas: "Quem é você?" e "De onde vem o mundo?". Daí pra frente, ela começa a receber um curso de filosofia pelo correio, ainda anonimamente. O louco é que algumas cartas não são endereçadas a ela, e sim a uma outra menina, Hilde Knag, que Sofia nem conhece.

O livro foi escrito por Jostein Gaarden, um norueguês que dava aulas de filosofia antes de ingressar de vez no mundo dos livros. Todos os seus romances tem algo a ver com a filosofia. O Mundo de Sofia é o seu livro mais conhecido: foram vendidas mais de 50 milhões de cópias e no Brasil está na sua 70ª reimpressão. Ele também virou filme, intitulado com o mesmo nome, mas não é tão conhecido/divulgado.


No começo do ano passado, meu professor de Filosofia fez uma revisão dos filósofos que o pessoal da escola aprendeu no ano anterior. Fiquei completamente perdida já que, na minha outra escola, não tinha nenhuma avaliação dessa matéria e eu achava chato/não gostava/não estudava. Pedi ajuda das minhas amigas e a Bianca (thank you so much!) disse que esse livro contava a história de todos os filósofos e era muito bom. Fui na onda dela e me apaixonei, Jostein seu lindo!

Se você não gosta de filosofia, não desista ainda. A história é super legal e nada maçante. Passei a gostar de filosofia por causa desse livro e olha que eu detestava e não via utilidade nenhuma nessa matéria. Filosofia é algo genial, te faz ver sentido em coisas totalmente sem sentido, mas que no fim das contas têm sentido sim. E se você for comprar, não se assuste com as mais de 500 páginas. A história é levinha, rápida e os capítulos passam que você nem vê.


Gostaram da dica? Quem vai comprar? E quem leu, gostou? Comentem :D

Por hoje é só. Beijoo ;*

domingo, 6 de janeiro de 2013

Project 365!

Aloha todos! Como vão? Eu tô ótima personas leemdas :B Vim aqui hoje falar sobre uma coisa que faz parte da vida da maior parte das pessoas.
 
Todos nós vivemos momentos especiais, momentos que dá vontade de congelar, guardar numa tapauer (?) e sempre que a tristeza colar na grade, voltar no tempo e reviver aquilo tudo de novo. Essa é a ideia de tirar fotos. Não sei vocês, mas fotografia é uma coisa que sempre esteve presente na minha vida e da minha família. Desde o nascimento, fotografamos para sempre poder relembrar de épocas boas.
 
Pensando nisso, a galera do Flickr criou o Project 365. Ele funciona assim: você tira uma foto por dia no ano todo e coloca em alguma rede social. E assim, você vai se lembrar de todos os momentos legais ou não do seu ano. Eu já tentei fazer ano passado, e até já falei do projeto aqui no blog, mas parei (acho que não cheguei nem em março). Deu aquele desânimo... Mas uma das minhas metas para esse ano é não desistir de nada, e com o Project 365 não será diferente.
 
Eu sempre gostei de tudo que envolve arte (queria ser artista quando era pitchutchuca, vê se pode), desde pinturas, livros, museus, esculturas, e também fotografia. Não sou fotógrafa profissional (e nem pretendo ser), mas adoro tirar fotos de coisas interessantes que vejo por aí. Assim como qualquer tipo de arte, por mais louca e sem sentido que seja, a fotografia é uma forma de se expressar, de mostrar o seu ponto de vista sobre as coisas e de tentar deixar o mundo um pouquinho mais bonito.
 
Dessa vez, colocarei as fotos do projeto em um álbum lá na página do blog no Facebook (COMASSIM VOCÊ AINDA NÃO CURTIU?!) e também pretendo trazer as fotos de cada semana todo domingo aqui no blog.
 
Bem, essas foram as fotos dessa semana:

Dia 1
 
Dia 2
 
Dia 3

Dia 4

Dia 5
Curtiram? Tenho futuro como fotógrafa, vai! Só que não :P
 
E o que vocês acharam da ideia? Vão fazer ou já começaram a fazer? Quem estiver no projeto pode mandar o link aí nos comentários ou no Facebook. Vou adorar ver as loucuras que vocês fotografam por aí :-)
 
Por hoje é só. Beijoo ;*

sábado, 5 de janeiro de 2013

Retrospectivando e metas para 2O13

E aí galerê, como vão, todos bem? Hoje vim trazer o último post daquela séries especial de posts de fim/começo de ano. Falrei aqui sobre tudo que conquistei em 2012 e o quero fazer em 2013. Retrospectiva 2012, ativar! para com isso porfa

Bem, 2012 foi o ano do Governo de Deus. E como foi. Mas a palavra chave para esse ano foi mudanças. Mudei de escola. Conheci pessoas novas. Enfrentei alguns medos e fantasmas do passado. Mudei de líderes. Abri minha célula. Passei a cuidar de 2 discípulas. Me magoei com pessoas em quem confiava muito. Perdoei. Aprendi a dar valor. Li 23 livros. Procurei emprego por 3 meses e ainda não achei. Falei de Jesus. Abri meus olhos para o sistema. Me perdi e me encontrei. Decidi o que quero da minha vida. Abri mão. Chorei. Sorri. Mas acima de tudo, amei e fui muito amada. E sou agradecida por isso.

E agora, nosso querido e amado 2013. Como já disse para vocês no ano passado, na minha Igreja nós fazemos um livro dos sonhos no começo de todo ano, com tudo que nós queremos realizar. O meu ainda não está totalmente pronto, mas vim mostrar uma palhinha pra vocês.


Crescimento da minha célula. Eu sei, você deve ter lido abri minha célula ali em cima e pensou Meu Deus, ela é uma psicopata! Mas calma, explicar-lhe-ei. Célula é uma reunião semanal que eu faço com um grupo de amigos onde nós conversamos sobre assuntos do nosso cotidiano e onde eu mostro que Deus não é um velho de barba branca que fica vendo a nossa vida passar. Ele está presente e quer nos dar vida em abundância. É super descontraído, com pessoas jovens, onde a gente aprende muito e entende que Deus não é um cara religioso (não é nada do tipo se você não se ajoelhar agora você vai queimar no fogo do Inferno, dê dinheiro para o pastor, pare de assistir a globo rs). Para 2013, quero alcançar muitos amigos através da célula, desde pessoas do meu bairro que usam drogas até pessoas da minha escola que estão jogando suas vidas fora. Mais tarde explico um pouco mais sobre como é e o endereço, horário, etcs.


Ir bem no ENEM e passar em Jornalismo na USP. Esse é o 2º quesito mais importante da lista. Ano passado eu queria melhorar em algumas matérias e consegui. Agora, não quero nada além de ver meu nome na lista dos aprovados da Fuvest. Sei que é difícil, blá blá blá, mas se fosse fácil não se chamaria sonho e não seria uma coisa tão desejada. Ninguém quer coisas fáceis, porque elas se vão antes que você possa dizer olá. Eu amo escrever e é jornalismo que eu vou fazer.


Ter uma vida mais saudável. MAS MARIA VOCÊ NÃO É GORDA! Primeiramente, tira a merda do preconceito contra pessoas acima do peso ideal da sua mente. Pronto? Ser SAUDÁVEL não significa SER MAGRA/ANORÉXICA/BULÊMICA, significa SER SAUDÁVEL. Entendeu? Eu não me alimento direito e tenho consciência disso. Praticar um esporte será um tanto quanto complicado, mas veremos. E além disso, tenho que beber mais água, comer mais frutas, comer de 3 em 3 horas, enfim, SER SAUDÁVEL.


Conseguir um trabalho. Estou procurando um emprego desde o ano passado, mas parece que ninguém gosta da minha pessoa #chora. Mas eu preciso de um job, e depois de voltar da praia, vou começar a procurar de novo. Enquanto o blog não me proporcionar grana, é o que temos.
 

Profissionalizar o blog. A-HÁ! Pensaram que eu ia me esquecer de vocês! Na na ni na não, o blog é algo extremamente importante pra mim e eu não me cansarei de repetir isso. Não posso dar muitos detalhes sobre essa meta, mas logo vocês saberão. Já deu pra perceber que tem algumas coisas diferentes rolando por aqui. Aguardem.

Bem gente, essas são as minhas metas para esse ano e eu não pretendo deixá-las apenas no papel. E vocês, qual é o sonho que vocês pretendem realizar esse ano? Não deixem de sonhar e nem de comentar :-)

Por hojé é só. Beijoo ;*

sexta-feira, 4 de janeiro de 2013

Sobre a felicidade, agradecimentos e sorvete

 
Na quinta-feira, fui na festa de confraternização do trabalho do meu tio. Foi legal, piscina, churrasco, etc e tal. Na volta, estava chovendo muito. Mas sabe o que é chover MUITO? A moça que dirigia o carro era cuidadosa. Mesmo assim, eu estava me cagando de tanto medo, pedindo perdão a Deus por todos os pecados que eu me lembrava, segurando a mão do meu irmão e pensando em qual seria a sensação de ficar preso nas ferragens de um carro. Quando nós quase batemos em um caminhão, a moça resolveu parar em um posto e esperar a chuva passar. Ufa.
 
Cheguei em casa, tudo muito bem, muito bom, orei agradecendo a Deus por ter me salvado de mais uma. Depois de orar, fui descansar, assistir um filminho pra relaxar o corpo. Comecei a pensar no que tinha passado naquele dia e também sobre "As Aventuras de Pi". Definitivamente, os 5 reais mais bem gastos do ano. E me indaguei: "Por que as pessoas esperam acontecer ou quase, uma desgraça pra ficar pensando no sentindo de vida e agradecer por ter sido salvo?"
 
O ser humano é um bicho muito estranho. Sei lá, a cada atitude minha ou das outras pessoas eu duvido cada vez mais dessa história de "animais racionais". Coisas extraordinárias acontecem com a gente todos os dias, mas nós só damos valor pras coisas ruins.
 
Fico olhando pra minha cahorra. Já tem 12 anos. Toda vez que o tiozinho do sorvete passa na rua, ela fica me olhando com aquela cara de gatinho do Shrek (sim a minha cachorra gosta de sorvete). Compro o sorvete pra ela e ela fica balançando o rabo mais rápido do que o Neymar quando vai fazer o gol. Ela fica feliz por causa de um sorvete.
 
E nós seres humanos, que nos sentimos a raça superior, só ficamos felizes e sorridentes se alguém chegar e dar o novo Iqualquercoisa. Felicidades que dura 3 meses. E lá vamos nós, porcurar o novo objeto de consumo que promete trazer a felcidade.
 
Mas e se nós fossemos felizes, agora, com o que nós temos? Ou melhor, ficar felizes com o que nós somos. Essa é a essência de tudo. Pare de ficar procurando a felicidade em coisas que são feitas de metal/plástico/whatever. O sorriso daquelas pessoas do comercial dura 2 minutos. E nada mais. Isso não é felicidade. Felicidade é eterna.
 
Minha cachorra já está pedindo sorvete de novo. Calma Latifa, já tô indo!
 
Obs.: Latifa é o nome da minha cachorra :P

quinta-feira, 3 de janeiro de 2013

Meu final de ano!

Buenas galerinha do mal! 2013 chegou e com ele 365 oportunidades de fazer diferente do ano passado. O meu final de ano foi meio legal, meio chato. Passei as festas de natal, aniversário e ano-novo aqui em casa com a família mesmo. Vim aqui mostrar as fotos de como tudo aconteceu :)
 
Bem, esse foi meu Natal:




  
Ceia antes da troca dos presentes




E o meu amigo secreto é...

MEU PAI!

COMASSIM AINDA NÃO TÁ NA HORA DE COMER?!

E eu era o amigo secreto da minha titia linda!


Ah... mil tretas mano.

Ceia pós-troca de presentes
Bem, o meu ano-novo foi uma grande bosta, por isso apenas uma foto dos fogos do Jd. São Jorge que nunca me decepcionam:

 
E agora vamos ao que interessa: PRESENTES!

Ganhei essa blusa no amigo secreto
 
Ganhei esses brincos de bigodes (!!!) da minha mãe no Natal
 
Ganhei essa blusa tye-dye da minha prima (ela mesma que fez!)
 
Ganhei essa coca-zero do meu priminho
 
Ganhei esse vale-presente (LIVROS!!) dos meus líderes lindos, Fabi e Robson

E agora, o momento mais esperado do post. TCHAN TCHAN, TCHAN TCHAN...
 
 
UMA CAMISETA DO CAPITÃO AMÉRICA!!!!!!!!!!1111!!!ONZE!!! CÊIS ENTENDERAM PESSOAL? UMA C-A-M-I-S-E-T-A D-O C-A-P-I-T-Ã-O A-M-É-R-I-C-A!!! PRESENTE DADO PELA PRIMA MAIS LINDA DO MUNDO!!!ONZE!!
 
VOLTANDO AO ESTADO ~NO CAPS LOCK~ EM 3, 2, 1...
 
Pronto gente, esse foi o meu final de ano. Como foi o de vocês? Viajaram? Ficaram com a família ou amigos? Comentem :D
 
Por hoje é só. Beijoo ;*